Educação Empreendedora

Em Jornada de Conhecimento, professores se reinventam com foco em aulas remotas

Realizada pelo Sebrae/MS e parceiros entre os dias 25 a 29 de maio, capacitação online recebeu mais de 31,8 mil inscrições

Conteúdo ministrado está disponível gratuitamente onlineA palavra-chave do momento é adaptação, tema que os professores de Mato Grosso do Sul comprovaram dominar. Entre os dias 25 a 29 de maio, mais de 31,8 mil inscrições foram efetuadas para o seminário online “Jornada de Conhecimento”, ocorrida para preparar os educadores para o uso de novas tecnologias em aulas remotas.

Iniciativa do Sebrae/MS, em parceria com a Secretaria de Estado de Educação, Faculdade Novoeste e Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, a capacitação surgiu por necessidade da Rede Estadual de Ensino. Diante da pandemia do novo coronavírus, as escolas foram fechadas e as aulas presenciais migraram para o ambiente virtual, um desafio para os professores e o processo de ensino.

Com a capacitação, os profissionais mostraram que a adaptação é uma questão de tempo. “Superou as expectativas, esperávamos 10 mil inscrições e só de visualizações no Youtube, já passamos a marca de 60 mil. Recebemos um feedback positivo da Secretaria de Educação e dos professores. Foi muito válido, vamos pensar em novas jornadas”, afirma a gestora estadual do projeto de Educação Empreendedora do Sebrae/MS, Priscila Veloso.

Público aprova

A Jornada abordou temas que até então, não faziam parte da rotina dos professores. Mas a capacitação, ministrada pelo consultor do Sebrae/MS, Josué dos Anjos, foi feita com uma metodologia dinâmica e empática. Para a técnica-pedagógica da Coordenadoria de Tecnologia Educacional da SED/MS, Meire de Falco, desde o início da semana, os profissionais se sentiram motivamos.

"Desde o início, sentimos uma energia positiva de todos, teve participação, curiosidade e interesse. Foi uma experiência inovadora, ajudando o professor a ter mais ferramentas para trabalhar nesta fase de home office com os alunos. Fizeram um trabalho excelente, conseguiram criar uma afinidade com os professores, até nos emocionamos. É só o começo de uma jornada”, disse.

A professora Carla Monteiro, que atua na Educação Especial, participou para aperfeiçoar as atividades do Google Classroom, um recurso do Google para a área de educação. “A capacitação foi muito boa, atendeu às expectativas e apresentou outros recursos para utilizar na aula à distância. A explicação foi clara, de fácil entendimento para quem nunca usou a ferramenta”, avalia.

Além dos professores da Rede Estadual, a capacitação despertou o interesse de profissionais de outros setores. Foi o caso do professor do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), Miguel Nader. Ele acompanhou a transmissão dos vídeos com a esposa, que também é professora.

“Achei a capacitação de fácil compreensão e de alto nível, minha esposa também aproveitou as dicas do curso e já estou usando algumas ferramentas que nos indicaram. Indiquei a vários colegas que assistam às aulas, pois iriam acrescentar muito no trabalho deles. Acredito que a EAD não substituirá o professor, mas irá auxiliar seu trabalho e também o ensino e aprendizagem, que é o mais importante para os alunos”, comenta.

Jornada de Conhecimento

Também chamado de webinar, o seminário online ao vivo em vídeo foi estruturado pelo Sebrae. A cada dia, por duas horas, um tema foi abordado: Oficina da ferramenta Google Classroom; Ensino presencial e a convergência com ambientes digitais; Storytelling na educação à distância; Novas tecnologias educacionais para EaD e ensino remoto e Criação de roteiro e gravação.

“A alta procura pela capacitação mostra como os professores estão aptos por conteúdos que contribuam para sua formação, com uma visão arrojada, de futuro. Se engajando nesta proposta, o Sebrae contribui para aquilo que é mais fundamental na sociedade: a educação. Com uma educação de alto nível, estaremos mais preparados para a competitividade sistêmica da economia global”, destacou o diretor de operações do Sebrae/MS, Tito Estanqueiro.

Para interessados em rever as aulas, todo o conteúdo ministrado no seminário está disponível gratuitamente online, pelo link.

Tags: Coronavírus, educação, educação empreendedora