Lançamento do PDE em Bataguassu destaca preparação do município para o futuro

O Plano de Desenvolvimento Econômico em Bataguassu, no âmbito do Programa Cidade Empreendedora, visa acelerar o segmento do turismo, potencial escolhido pela cidade

Quando falamos em acelerar o desenvolvimento local, não podemos deixar o entendimento da interligação entre os eixos social, econômico e ambiental, principalmente, no que diz respeito a estruturação de ações com a participação colaborativa da sociedade. O Sebrae/MS e a Prefeitura de Bataguassu realizaram, na noite desta quinta-feira (02/05), na Câmara Municipal, o lançamento do Plano de Desenvolvimento Econômico (PDE), no âmbito do Programa Cidade Empreendedora, que visa acelerar o segmento do turismo, potencial escolhido pela cidade.

Prefeito destaca que Bataguassu está sendo preparada para o futuroCom a presença de autoridades, empresários, empreendedores, e trabalhadores, o Diretor de Operações do Sebrae/MS, Tito Estanqueiro, falou da localização privilegiada de Bataguassu que apesar da proximidade com o Estado de São Paulo e a diferença de tributos, poderá promover uma mudança na realidade que já acontece com fulgor no município. "Bataguassu tem um conjunto de oportunidades que geram empregam e renda, podendo potencializar isso pela ótica do turismo”, destacou.

Tito Estanqueiro ressaltou que o papel do Sebrae é contribuir com a integração com o Distrito Nova Porto XV, bem como desenvolver o comércio e a prestação de serviços, oferecendo condições de desenvolvimento para a sociedade, para o empresário e a gestão pública para fortalecer o desenvolvimento econômico, social e ambiental do município.

O prefeito de Bataguassu Pedro Arlei Caravina destacou que Bataguassu está sendo preparada para o futuro. Ele reforça que o desenvolvimento acontece com o engajamento da população, entre comerciantes, donos de pousadas, restaurantes e demais segmentos sendo os principais atores.

“É nesse sentido que o Sebrae atua com o município, oferecendo suporte técnico com o plano de desenvolvimento que vai melhorar o envolvimento turístico em conjunto com as obras de infraestrutura da gestão municipal, justamente para melhorar esse ambiente de recepção do turista”, avaliou o prefeito, ressaltando as condições geográficas e recursos naturais do município.

Palestra

O evento contou ainda com a palestra “Rede de Cooperação para o Desenvolvimento – A experiência do Cariri Paraibano”, ministrada por Arnaldo Júnior, ex-prefeito de Cabaceiras (PE), consultor do Sebrae e especialista em gestão pública. Arnaldo Júnior disse que o turismo é reconhecidamente um segmento muito importante no que diz respeito a promoção do desenvolvimento econômico, todavia há um desafio no sentido de promover esse desenvolvimento.

“Além do atrativo que determinada região possui, o comportamento dessa região no que diz respeito ao aproveitamento é que vai determinar a transformação desse potencial efetivamente em produtos que impactem na transformação local”, disse ele, reforçando que o diferencial que pode ser construído a partir do nível local é exatamente o que vai estabelecer esse destaque, “a existência do potencial é importante, mas o grande desafio está na capacidade do poder público, iniciativa privada e da sociedade de definir estratégias que permitam o aproveitamento e tragam resultados efetivos”, disse.

Cidade Empreendedora

O Plano de Desenvolvimento Econômico consolidado pelo tripé da sustentabilidade apontadas durante todo o processo com o objetivo de fortalecer os potenciais da cidade, dentro da sustentabilidade nos eixos Econômico, Social e Ambiental, com propostas para atender a produção e a qualificação da população.

Dentre as ações do bloco econômico, destaca-se a reduzir a informalidade, aumentar os canais de comercialização e atrair investimentos, enquanto no bloco social podemos programa para aumentar a reutilização e a reciclagem com inclusão de cooperativas de catadores. Por último, no bloco ambiental o município deve melhorar a eficiência energética, fazer a correta destinação e tratamento dos resíduos, entre outros.

Os interessados em conhecer mais sobre a metodologia do programa e detalhes sobre os trabalhos realizados em Mato Grosso do Sul devem entrar em contato com a Central de Relacionamento do Sebrae no telefone 0800 570 0800 ou podem visitar o site: http://www.sebraecidadeempreendedora.com.br/

Tags: Economia, Sebrae, desenvolvimento, Cidade Empreendedora