União

Sistema S destaca atuação conjunta para o desenvolvimento do estado

Líderes das instituições fizeram apresentação em evento direcionado a Agentes de Desenvolvimento.

Os líderes de entidades que fazem parte do Sistema S se reuniram nesta sexta-feira, 28 de novembro, durante o Encontro Estadual de Agentes de Desenvolvimento, realizado pelo Sebrae na Casa da Indústria, em Campo Grande.

O superintendente do Sebrae no MS, Cláudio Mendonça, e os presidentes da Faems, Famasul, Fiems e Fecomércio MS, respectivamente Alfredo Zamlutti, Eduardo Riedel, Sérgio Longen e Edison Araújo, falaram sobre o trabalho realizado pelas entidades em prol desenvolvimento econômico do estado.

Além das autoridades e dirigentes das instituições presentes, o evento reuniu 50 Agentes de Desenvolvimento – funcionários públicos responsáveis pelo apoio aos pequenos negócios nos municípios através de ações de fomento ao empreendedorismo e ao desenvolvimento local.

Sistemas e federações destacaram números de 2014 para Agronegócio, Indústria, Comércio e Serviços. O presidente da Fiems, instituição que comemora 35 anos de existência, abriu os discursos ressaltando a importância de o governo do País promover políticas de incentivo à indústria nacional, tornando-a competitiva; além de ter responsabilidade nos gastos e adotar medidas mais criteriosas para garantir benefícios por meio dos programas sociais a quem de fato precisa, incentivando a capacitação profissional e valorização do emprego.

“Ou abrimos e dinamizamos nossa economia ou retrocedemos, voltamos ao passado e fechamos as faixas de fronteira como já vimos há anos que não deu certo”. Longen também falou sobre a necessidade das empresas estarem atentas ao trabalho com foco no desenvolvimento econômico sustentável; e afirmou que a instituição pretende reforçar a abertura de vagas para qualificação dos profissionais da construção civil.

Desenvolvimento territorial e elos entre os setores

Cláudio Mendonça agradeceu diretamente aos Agentes de Desenvolvimento, que, segundo ele, realizam “um trabalho importantíssimo” ao acreditarem que o Sistema S pode fazer a diferença no município. “Nosso diferencial é trabalharmos juntos, cada um ciente da função que deve desempenhar”.

Cláudio Mendonça afirma que Sebrae atendeu neste ano a 30% do total de empresários do estado. O superintendente do Sebrae no MS reforçou que a instituição atenteu até agora em 2014 a mais de 30 mil empresários. “Por ano, atuamos diretamente com 30% das empresas ativas no estado”. Ele destacou ainda que 40 municípios estão com a Lei Geral implementada, ou seja, realizam ações priorizando a evolução dos pequenos negócios. “Temos trabalhado neste momento com a efetivação da Redesim através de um sistema integrado que irá desburocratizar a abertura e o fechamento de empresas”.

Na sequência, Eduardo Riedel focou nos constantes cursos que o Senar tem disponibilizado aos membros da agricultura familiar, aumentando a produtividade e gerando renda através de uma profissionalização da atividade rural; Edison Araújo falou sobre as ações de estímulo do Sistema Fecomércio MS ao comércio sul-mato-grossense e a atenção especial que tem sido dada à capacitação da mão-de-obra.

Alfredo Zamlutti encerrou esta primeira parte do evento e fez questão de lembrar novamente a união das entidades que representam os setores produtivos de Mato Grosso do Sul e o trabalho da Faems para ampliar a atuação das Associações Empresariais nos mais diversos municípios do estado.  

Políticas Públicas

No período da tarde, o Encontro Estadual de Agentes de Desenvolvimento seguiu suas atividades no Grand Park Hotel. Os temas foram a atualização da Lei Complementar 147/2014, com novas normas do Simples Nacional; o “Consórcio e o Desenvolvimento Territorial”, o “PMAT – Programa Modernização da Gestão Municipal” e o “Ranking dos Agentes de Desenvolvimento”.

As palestras realizadas contaram com a participação de representantes do Sebrae, Assomasul (Associação dos Municípios do Mato Grosso do Sul) e Banco do Brasil; instituições que apoiaram a iniciativa. 

Tags: Lei Geral da Micro e Pequena Empresa, Sebrae, Sistema S, agente de desenvolvimento, desenvolvimento