Startups de MS são selecionadas para programa Centelha

Duas das startups aprovadas são acompanhadas e desenvolvidas no Living Lab MS

De um total de 28 startups selecionadas para o programa de aceleração Centelha 2020, desenvolvido pela Fundect e subsidiado pelo governo estadual e federal, duas são residentes do Living Lab MS, projeto colaborativo iniciado pelo Sebrae/MS. O resultado foi divulgado nesta quinta-feira (13).

Startups de MS são selecionadas para programa CentelhaO Programa Centelha visa estimular a criação de empreendimentos inovadores e disseminar a cultura empreendedora em Mato Grosso do Sul. A iniciativa será executada de forma descentralizada, por meio da articulação institucional e cooperação com entidades de 21 estados. Ao todo, serão investidos R$ 1,6 milhão nos projetos selecionados.

Na avaliação da gerente do Living Lab do Sebrae/MS, Leandra Costa, o programa é um investimento inicial, que ajuda empresas que precisam crescer. “Empresas inovadoras precisam de investimento para se desenvolverem e o recurso de subvenção no início da atividade para muitos negócios é o pontapé fundamental para o desenvolvimento da inovação, e assim colocação do produto no mercado”, explica.

As duas empresas desenvolvidas pelo laboratório e selecionadas para o programa são a Juridics, que transforma dados não estruturados de decisões de segunda instância em conhecimento jurídico analítico, e a Agrovatec, que visa a parte social do agronegócio por meio do cultivo de produtos agroecológicos, gerando renda e subsistência aos pequenos agricultores.

Segundo Pedro Nishi, desenvolvedor da startup Agrovatec, o acompanhamento no laboratório foi essencial para crescimento do empreendimento. “O aprendizado adquirido aqui nos trouxe visão, metodologia e apoio, e aqui temos assistência e acompanhamento para que possamos investir e nos desenvolver mais, e de maneira correta”, finaliza.

Sobre o Living Lab

O Living Lab MS é um projeto colaborativo iniciado pelo Sebrae/MS em parceria com 42 instituições públicas e privadas que tem como objetivo desenvolver ideias inovadoras e startups em Mato Grosso do Sul. Criado há 3 anos e meio, já atendeu mais 20 mil pessoas, 1.200 ideias de negócios e 662 startups. Para 2020 já estão previstos mais de 120 eventos de inovação.

O laboratório acolhe hoje 21 startups residentes que atuam nos mais variados setores, como sustentabilidade, agronegócios, construção civil, vestuário, tecnologia e outros.

Tags: Living Lab, Living Lab MS